ViverServiços municipais

Agenda de Eventos

Exposições

Exposição “Dança e Contradança” de Kerk e Diogo Rosa

Imagem do Evento

Dança...

Pela arte, expressividade, beleza, elegância e delicadeza de movimentos, pela dor e entrega total... Presto uma simples homenagem às bailarinas. Kerk DANÇA... A paixão que envolve o ambiente do teatro, dos camarins, da coxia, do palco, é evidente a qualquer pessoa que se proponha a experimentá-la. O público já estava no teatro e conseguíamos ouvir o burburinho do outro lado da cortina. Há poucas horas aquele espaço era só nosso. Havia bailarinas por toda a parte, se alongando na plateia e se aquecendo nos corredores, repassando coreografias no palco ainda iluminado. Aplicando base, pó, rímel e cola para o cílio postiço. A cortina é fechada e as luzes do palco se apagam. Alguns novatos se excitam e vão correndo ver, pelas frestas da cortina, o público entrar. Enquanto eu sinto que já ensaiei tudo o que poderia e seja o que Deus quiser, duas ou três pessoas continuam no palco, se movimentando alheias à cortina e às luzes. Mal consigo sentir os meus pés, mas elas pulam, giram e se equilibram. Estou no meio do palco e me pergunto o quanto o ballet não é a mistura do que acontece depois e, principalmente, antes das cortinas se abrirem.

Testemunho de uma bailarina

e contradança...

A Contradança, dança de quatro ou mais pares que se confrontam uns com os outros; música com que se acompanha essa dança; alteração; mudança frequente de lugar; instabilidade;

Dicionário Universal da Língua Portuguesa – Texto Editora

A contradança é aqui entendida como uma “não dança”, embora algumas esculturas pelo seu movimento ou forma, nos possam reportar a momentos rítmicos próprios da música e da dança. Outras pelo seu cariz estático são textualmente uma contradança sendo que aqui o significado seja subvertido. São esculturas com tempos e intenções diferentes, que cumpriram diversos desafios e estados de espírito. Portanto, está longe de ser uma mostra homogénea, pelo contrário uma “Contradança” (instabilidade, mudança, alteração).

Diogo Rosa

// Destinatários: Amantes de arte

Local: Galeria Municipal - Centro Cultural do Morgado

 

Datas de Realização

05-05-2018 a 05-06-2018
Programação Diária

Contactos

Largo Miguel Bombarda

263 977 000

263 976 586

Newsletter


Subscreva a nossa newsletter

Back to Top

  •   Menu acessível
  • Promotor Oeste Portugal
  •   Oeste CIM
  • Co-financiamento Compete
  •   QREN
  •   União Europeia
Powered by Powered by U-LINK
© 2006 - 2018 © Município de Arruda dos Vinhos - Todos os Direitos Reservados