MunicípioInformação institucional
ConcelhoConheça-nos
ViverServiços municipais
VisitarEsperamos por si
InvestirInvista no concelho
Balcão Virtual
Participar

Agenda de Eventos

 Eventos do dia 16-07-2019

Biblioteca Municipal - 15-07-2019 a 09-08-2019

Ateliers de Verão

Turnos semanais:
» 15 - 19 julho
» 22 - 26 julho
» 29 julho - 2 agosto
» 5 - 9 agosto


Inscrições na Biblioteca Municipal
Tel: 263 977 008
biblioteca@cm-arruda.pt

Local: Biblioteca Municipal Irene Lisboa

Destacamos para este dia ()

Exposições - 13-07-2019 a 01-10-2019

Exposição multidisciplinar “Ocean: A Blue Meditation” de Maria Sobral Mendonza

Maria Sobral Mendonça (Lisboa 1963) apresenta no Centro Cultural do Morgado a exposição inédita “Ocean: A BlueMeditation | Oceano: Uma Meditação Azul” que cruza a instalação em espaço público, a pintura e a vídeo instalação onde se destaca a colaboração com o actor Henrique Gil.
“Paisagens abstractas, amplos espaços de água áspera. Densa. Fluida. Exaltada. Fluxo de ondas escuras sobrepostas que se entrechocam, num ritmo frenético de explosões sucessivas. A força do Mar representada pela pintura gestual em favor da circularidade e do vai vem das ondas com lixo orgânico suspenso. Plásticos coloridos alertam para o comportamento sem sentido da civilização, na desfiguração do Oceano em “Mares nunca mais Habitáveis”. Exaltado. Revoltado. Sonoro. O Mar, refluxo flutuante entre a imensidão do céu: Uma espécie de filosofia pintada a azul frio, azul esverdeado, branco titânio. A fusão do abstracto com a Espiritualidade, encorajando uma reflexão sobre: a negação do limite. Transgressão silenciosa… sufoco incompreensível!”
Na exposição estará também presente o documentário “Maria Sobral Mendonça”, realizado pelo cineasta Lauro António, na exposição “Tiqqun: A Libertação do Pecado” presente em festivais internacionais de cinema e inaugurada nos Paços do Concelho (Lisboa, 2007).


Biografia Artística:
Maria Sobral Mendonça artista visual nasceu a 8 Maio de 1963 vive e trabalha emLisboa. Frequentou o IADE Creative University e Pintura no ARCO.

Inicia em 1994, com a exposição “Tocar com a Mente” no Panteão Nacional em Lisboa, a sua intervenção plástica em monumentos- espaços de desafio abertos à sua criação artística. O seu percurso é marcado pela forte relação entre as suas obras e os espaços onde expõe, destacando-se as exposições realizadas no Palácio da Independência de Portugal, “A Dança dos Pássaros”, Lisboa (1999); na Capela da Igreja do Convento de Santa Mónica, “A Perda do Eu pelo Outro”, Lisboa (2001); na Igreja do Convento de São Paulo, “O Branco Sobre O Branco”, Redondo-Alentejo (2003); na Capela Real do Museu do Palácio Nacional da Ajuda, “Lápis Exilis”, Lisboa (2005); no Palácio Município de Lisboa, “Tiqqun- A Libertação do Pecado” (2007), exposição itinerante representada na Casa do Brasil, Santarém (2008) e na Casa dos Crivos, Braga, com o apoio da Presidência da Republica (2009). No Palácio do Rossio, “Lusitânia Pátria Minha”, Lisboa (2011); no Núcleo Museológico do Sal da Figueira da Foz, “Sal & Ar”, Figueira da Foz (2015); na Casa da Cultura de Estepona, “Arte & Toros”, Málaga, Espanha (2015); “Annotated Dreams” Instalação de Arte “Eurostars Hotels Das Letras, Lisboa, para o Grupo HOTUSA (2017).

No domínio de arte pública, destacam-se os quadros realizados para os espaços públicos: “Há Lá”- Hotel de Arte Convento de São Paulo (Redondo, Alentejo, 2005); “Sioux: A Visão do Bisonte Bravo”- Átrio de entrada do edifício residencial Berna56, do arquiteto Ricardo Bofill, (Lisboa, 2010); “O Canto da Seara”- Átrio de entrada do Hotel de Charme, Mar D’Ar Aqueduto, Hotel Design SPA (Évora, 2010); “D. Nuno Álvares Pereira e Papa Bento XV”- a convite da APDC- Associação Portuguesa de Cultura e Desenvolvimento (Vaticano-2010); “Lusitânia Pátria Minha”- Sociedade Histórica da Independência de Portugal, Palácio do Rossio (2011). A realização das pinturas religiosas -“Via Sacra; acrílico s/tela 1000x89cm”, “Ressurreição; acrílico s/tela 200x200cm” e “N. Srª da Conceição” (acrílico sobre Tela; 201x185cm) para a nova “Igreja da Outurela”, em Carnaxide, Oeiras, Lisboa, executadas para o Atelier220, projecto dos arquitectos Luís Cardoso e Cunha e Nadia Ghemri (2015). Assina para a indústria, a reprodução de obras suas em peças de vidro, faiança, cerâmica e porcelana.

Momentos mais marcantes da sua carreira incluem: A entrega pessoal do quadro “D. Nuno de Alvares Pereira e Papa Bento XV” (acrílico S/Tela; 130x98cm) realizado para oferta ao Papa Bento XVI, na visita oficial a Portugal (2010); o convite para a exposição “Alquimia Del Ser” realizada no Museu Nacional de Cáceres inserida no “Projecto Agora”, Espanha (2009); Referenciada na edição do “Anuário de Arte Contemporânea dos Artistas Luso-Brasileiros” (2009); a integração do documentário “Maria Sobral Mendonça” da autoria de Lauro António, realizado para a exposição “Tiqqun”, no cartaz dos filmes do cineasta, no Festival Internacional de Sarajevo, Bósnia e Herzegovina (2008); o convite para a realização de uma coleção de “copos de vidro” para o Instituto Português dos Museus, Secretaria de Estado do Ministério da Cultura (2003), e para a EGEAC, a realização de uma coleção personalizada de “chávenas de café, sobre o “Castelo de São Jorge”, Lisboa, (2003).

Residências Artisticas: Alentejo- MonteMor-O-Novo (2006-2007); Serra da Gardunha (Fundão) (2008-2009); Redondo (Alentejo) (2010-2011); Montemor-O-Novo (Alentejo) (2011-2012); Lisboa (2012) foi-me cedida a Coordoaria Nacional para a realização de uma intura de grande escala para as Comemorações da Independência de Portugal, evento cultural no Palácio da Independência e que faz parte do espólio da Instituição, tendo sida adquirida pela Fundação do Millennium BCP.

Prémios e Distinções: Recebe o ”Certificat de Distinction”, pela Association Internationale des Arts Plastiques auprès de L’Organisation des Nations Unies pour l’Éducation, la Science et la Culture / UNESCO, 1999.

Recebe a “Menção Honrosa” na 1ª Bienal Internacional de Arte Sacra de Braga, 2018.

O seu trabalho encontra-se representado em coleções públicas e privadas em Portugal e no estrangeiro, nomeadamente: Embaixadas, Consulados, Ministérios e Secretarias de Estado

Local: Galeria Municipal

Destacamos para este dia ()

Exposições - 06-07-2019 a 10-08-2019

Instalação Contemporânea “Ilha de Santa Cruz” de Andréa Bryan

A exposição Ilha de Santa Cruz consiste numa instalação de índole contemporânea idealizada pela artista Andréa Bryan para a Capela do Morgado. A artista coloca em íntima comunicação a capela oitocentista com a instalação, transportando desta forma a sua proposta para a relação entre o ocidente e o novo mundo fazendo da Capela do Morgado uma peça fundamental na composição da obra.
A artista, com esta instalação, pretende marcar uma posição na reflexão sobre a corrupção brasileira em redor da exploração de petróleo, bem como a exploração de outros recursos endógenos como o ouro e ferro por Portugal e Japão.

Visitável no horário da Biblioteca Municipal Irene Lisboa

Andréa Bryan:
1966, São Paulo, Brasil.
Desde 1986 que vive e trabalha em Colónia, Alemanha.
Artista Visual, trabalha com multimédia, instalações, vídeos performances e pintura.
Um dos focos de seu trabalho é a xilogravura.
Andréa Bryan participa e participou em exposições na Alemanha, França, China, Bulgária, Egito, Espanha, Itália, Portugal e E.U.A.
Foi convidada para a International Printmaking Biennial Douro 2016 e 2018.
A artista detém obras nas coleções dos seguintes Museus: Judetean de Arta Praho Ion Ionescu em Quintus na Roménia, no Museu de Gravura do Douro em Portugal e na Biblioteca Alexandrina em Alexandria no Egito.

Local: Capela do Morgado

Destacamos para este dia ()

Desporto - 01-07-2019 a 31-08-2019

Natação Livre

Espaço Exterior Aberto

1 a 31 de julho
segundas - quartas - sextas | 15h às 17h30
terças - quintas | 14h às 17h30

1 a 31 de agosto
terça a domingo | 10h às 19h


Inscrições na Piscina Municipal

Local: Piscina Municipal

Destacamos para este dia ()

Exposições - 01-07-2019 a 31-07-2019

Exposição Perspetivas

Inserido na programação intermunicpal Festa Sénior

Nesta exposição, dirigida pela artista plástica Joana Maia, as IPSS’s e grupos organizados dos concelhos de Arruda dos vinhos, Bombarral, Sobral Monte Agraço, Cadaval, Lourinhã e Torres Vedras são convidados a ilustrar uma peça de um puzzle de grandes dimensões organizado por referência ao alfabeto, que caracterizará as Linhas de Torres Vedras sob o olhar e perspetivas de todos os seus intervenientes. A exposição valoriza o trabalho colaborativo entre as comunidades seniores dos 6 concelhos em redor de uma identidade cultural comum.

Local: Centro de Interpretação das Linhas de Torres

Destacamos para este dia ()
 Próximos Eventos

Colóquios - 18-07-2019

I Colóquio Concelhio de Inclusão

Inscrições Encerradas

Destinatários: Professores, Educadores e Profissionais de Saúde

Ação de curta duração certificada pelo Centro de Formação de Pêro de Alenquer

Local: Auditório Municipal

Literatura - 19-07-2019

Apresentação do livro “As Longas Noites de Caxias” de Ana Cristina Silva

Local: Sala Jardim – Biblioteca Municipal Irene Lisboa

Outros Eventos - 20-07-2019

Visita Guiada: História com “Estórias”

Duração: 2h30
Uma visita ao património material e imaterial de Arruda dos Vinhos por intermédio da interpretação das ruas e ruelas do centro histórica com Ana Raquel Machado e Paulo Câmara.

Inscrições: Serviço Educativo e Cultural
Tel: 263 977 035
servicoeducativo@cm-arruda.pt

Local: Centro Cultural do Morgado

Literatura - 03-08-2019

Comunidade de Leitura

Local: Sala Jardim – Biblioteca Municipal Irene Lisboa

Festas e Romarias - 06-08-2019 a 18-08-2019

Seculares Festejos em Honra de Nossa Senhora da Salvação

Programa em atualização

Local: Arruda dos Vinhos

Contactos

Largo Miguel Bombarda

263 977 000

263 976 586

Newsletter


Subscreva a nossa newsletter

Back to Top

  •   Menu acessível
  • Promotor Oeste Portugal
  •   Oeste CIM
  • Co-financiamento Compete
  •   QREN
  •   União Europeia
Powered by Powered by U-LINK
© 2006 - 2019 © Município de Arruda dos Vinhos - Todos os Direitos Reservados